Como utilizar a análise de falhas para evitar erros na construção civil

Home / Como utilizar a análise de falhas para evitar erros na construção civil

Errar é humano e todos nós estamos sujeitos. Mas como minimizar ou até mesmo evitar erros na construção civil? A resposta não é tão simples, mas pode começar por meio da análise de falhas.

Mas afinal, o que isso significa? Análise de falhas é um levantamento dos principais problemas em potencial de uma obra, o mapeamento desses eventos e a elaboração de um plano para lidar com cada um deles.

O importante nessa elaboração, de modo a garantir a segurança de todas as partes envolvidas, é pensar como prevenir, controlar, fiscalizar e reparar essas falhas.

Principais tipos de análise de falhas

Na construção civil, os erros podem ser causados por trabalhadores, projetos mal elaborados, equipamentos e materiais, entre outros. Abaixo, falaremos dos principais erros e de suas respectivas análises de falha:

Falha no produto

Ocorre quando não foram observados alguns parâmetros de qualidade tanto na matéria-prima quanto na mão de obra. Geralmente esse tipo de falha é evidente.

Falha no processo

Despercebidas em um primeiro instante, elas podem comprometer a produtividade, atrasar o processo e gerar mais custos à obra.

Falha administrativa

Acontece com a compra de materiais inadequados e com a falta de registros ou de instruções profissionais, por exemplo. Assim como a falha do processo, muitas vezes esse tipo de problema só é descoberto tardiamente.

Como sanar esses problemas com a análise de falhas?

A análise de falhas começa com uma série de estudos e ações. É importante que a equipe responsável envolvida primeiramente leia atentamente o projeto em busca de eventuais erros.

Essa procura deve continuar na fase de execução, em cada uma de suas etapas.

É essencial também ler estudos e pesquisas que enumeram as principais falhas dentro de uma obra, além de consultar especialistas para apontá-las.

Testes laboratoriais também podem indicar falhas em alguns produtos e ajudar os responsáveis por uma obra a lidar com fenômenos naturais e físicos, por exemplo.

Parâmetros

Para uma boa análise de falhas, especialistas recomendam os seguintes parâmetros:

  • Denominação da falha;
  • Descrição;
  • Probabilidade de ocorrência;
  • Risco e grau que oferece para o projeto;
  • Medidas de prevenção;
  • Medidas de fiscalização;
  • Ações de reparo e minimização de danos.

Hoje falamos sobre análise de falhas para evitar erros na construção civil. Tem sugestão de mais algum assunto para o blog? Escreva nos comentários abaixo!

Compartilhe o post:

About Author

Deixe uma resposta

shares