As principais diferenças entre cimbramentos metálicos e de madeira

Home / As principais diferenças entre cimbramentos metálicos e de madeira

Saiba quais as diferenças entre cimbramentos metálicos e de madeira. Confira neste artigo as vantagens e desvantagens de cada um deles

Conjuntos de estruturas (escoras, torres, vigotas, etc.) de suporte provisórias em uma obra, os cimbramentos auxiliam no escoramento de fôrmas para lajes, vigas e outros elementos de concreto armado. Têm por finalidade suportar o peso do próprio concreto, além do de integrantes da equipe de trabalho e de eventuais equipamentos utilizados na construção civil.

Os cimbramentos geralmente são divididos em dois diferentes tipos: os metálicos e os de madeira.

Além do material utilizado, você sabe quais as principais diferenças entre eles? Qual o mais leve e prático? O blog responde a essas e outras eventuais perguntas abaixo:

Cimbramentos de madeira

A madeira pode ser usada em cimbramentos nas formas bruta (bastante rústica, geralmente em troncos de eucalipto e desnivelada) ou serrada (padronizadas no tamanho e com encaixes já previstos).

Num primeiro momento, a principal vantagem da madeira é o custo mais barato, além de uma suposta maior disponibilidade. No entanto, as desvantagens vão desde a dificuldade no nivelamento (seja ele por meio de cunhas ou por conta da imperfeição de toras, por exemplo) até o fato de o material poder ser usado em uma única obra, pois não pode ser readequado, tampouco reformado.

Além disso, é muito importante verificar se a madeira em questão é certificada. O selo verde agrupa uma série de normas a fim de garantir que a atividade comercial daquela madeira não agride as florestas tropicais, sendo, assim, uma extração ecologicamente correta.

Cimbramentos Metálicos

Já os cimbramentos metálicos (geralmente feitos de aço ou de alumínio), além de mais leves e resistentes, têm grande versatilidade e também colaboram para uma maior produtividade e economia de mão de obra. Além disso, suas peças são de fácil manuseio, o que facilita a montagem e desmontagem dessas estruturas.

Outras vantagens desse tipo de cimbramento são os ajustes perfeitos e os encaixes simples. Nesse tipo de estrutura metálica há sistemas como o mecanoflex, formado pela união de escora, viga principal e viga secundária que se encaixam entre si para estabelecer uma estrutura estável e segura.

Há, ainda, a questão ecológica. Uma estrutura metálica reduz drasticamente o uso de madeira e colabora para a preservação de árvores.

Hoje você viu quais as principais diferenças entre cimbramentos metálicos e de madeira. Ficou alguma dúvida quanto às vantagens e desvantagens de ambos os materiais? Escreva para nós nos comentários abaixo!

Compartilhe o post:

Sobre o Autor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

shares