Quais principais custos por não usar EPC em uma obra?

Home / Quais principais custos por não usar EPC em uma obra?

Sempre que pensamos em segurança, imediatamente também ficamos em dúvida se algumas medidas realmente são necessárias. Por isso conheça os principais custos por não usar EPC dentro de uma obra.

Mas antes disso, você sabe o que significa EPC? É uma sigla usada para se referir a Equipamento de Proteção Coletiva. Como o próprio nome já diz, é um equipamento utilizado em função do bem comum.

O que muitas pessoas não sabem, é que vários acidentes que poderiam ter sido evitados com o uso dos EPC’s, por qualquer motivo que seja, não foram. Sendo assim, achamos prudente indicar quais são os principais custos por não usar EPC’s e você pode conferir um pouco mais sobre esse assunto tão polêmico aqui no nosso blog.

Os principais custos por não usar EPC’s: conheça alguns gastos que a sua empresa pode acabar tendo

Uma obra é um serviço que requer atenção redobrada. Sabemos que muitos acidentes sempre aconteceram nesse ambiente de trabalho e com o tempo, algumas medidas foram sendo criadas para evita-los.

Uma delas é a regulamentação da NR-18 que descreve sobre as condições e o meio ambiente de trabalho na indústria da construção. O que podemos verificar é que os principais custos relacionados à falta de uso dos EPC’s estão elencados às obrigatoriedades do cumprimento de alguns itens desta norma.

Dentro da NR-28, que é uma norma regulamentadora de fiscalização e penalidades você consegue encontrar no Anexo I toda a tabela com o valor das multas pelas infrações, sendo que elas estão devidamente relacionadas ao número de funcionários de uma empresa.

Para que o número da infração seja consultado, dentro da NR-5 existe uma descrição de todas as infrações possíveis.

Diante desse fato, levantamos uma outra hipótese: será que realmente vale a pena correr o risco de não oferecer os equipamentos de proteção coletiva corretamente?

Podemos considerar ainda outros custos em relação à falta de uso dos EPC’s:

Custo em razão do absenteísmo da equipe

Isso levando em consideração que a sua equipe pode se afastar da obra em razão de falta de EPC para evitar acidentes. Acredite! Mas um “simples” EPC pode fazer com que os seus funcionários se sintam mais valorizados.

Custo de paralisação da obra

Se algum órgão fiscalizador paralisar a sua obra por falta de EPC, um custo inesperado pode ser gerado para você.

Custo de atender às legislações às pressas

O que pode fazer com que você não tenha muito tempo para pesquisar os melhores EPC’s em relação a custo x benefício.

  • Multa de órgãos fiscalizadores
  • Custos de indenizações em caso de acidentes
  • Custo de fiscalização interna da equipe de segurança do trabalho

Sabemos que com os EPC’s muitos acidentes poderiam ser evitados e é claro que custos também. Sempre devemos pensar na valorização da vida e também no caixa da empresa que não pode ficar sofrendo com custos surpresas.

Comprar ou alugar estes equipamentos não é custo a mais e sim um investimento na segurança de todas as pessoas que estão ou não envolvidas com um determinado ambiente de trabalho e também na saúde financeira da empresa. Se você é empresário ou construtor, pense nisso!

Compartilhe o post:

About Author

Deixe uma resposta

shares